Páscoa: a maior demonstração de amor

Foto: pixabay.com

Muitos associam a Páscoa a ovos de chocolate, troca de presentes, coelho e isso é muito legal, aliás, quem não gosta de chocolate, não é mesmo? Mas o verdadeiro sentido da Páscoa não está ligado a essas coisas.

A Páscoa representa o maior sacrifício e prova de amor que já existiu. É quando Deus deixou que o seu único filho, Jesus, sofresse e morresse em nosso lugar para que tivéssemos uma vida com abundância.

“Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3.16). 

Estava sob Jesus todos os nossos pecados, enfermidades e dores, e Ele enfrentou todas as coisas por muito nos amar. Ele foi traído, rejeitado, maltratado, espancado e O colocaram em uma cruz.  Jesus sabia que enfrentaria tudo isso, mas também sabia que o nome de Deus seria glorificado e ao terceiro dia Ele ressuscitaria, para que todos cressem que Ele é o filho de Deus!

Então, assim aconteceu e no terceiro dia Jesus ressuscitou. Todos naquela época ficaram espantados, alguns não acreditaram, mas suas marcas nas mãos e pés provavam que Ele tinha ressuscitado.

O anjo disse às mulheres: “Não tenham medo! Sei que vocês estão procurando Jesus, que foi crucificado. (Mateus 28.5)

Ele não está aqui; ressuscitou, como tinha dito. Venham ver o lugar onde ele jazia. (Mateus 28.6)

Essa é a verdadeira Páscoa: o sacrífico de Jesus na cruz e sua ressurreição. Por seu grande amor, hoje podemos celebrar a vitória de Cristo na cruz. Ele nos resgatou do mal e nos deu a esperança da vida eterna. Jesus não está morto, mas Ele vive e ainda nos deixou o Espírito Santo para nos ajudar e consolar. Isso é motivo de grande comemoração e alegria, não só na Páscoa, mas todos os dias. Então, antes de trocar chocolates e se divertir, lembre-se e agradeça a Deus pelo que Ele fez e faz por você. Feliz Páscoa!